Paroles de Abismo

Maria Rita

pochette album Abismo
Voir sur Itunes

Date de parution : 25/03/2014

Durée : 0:03:49

Style : Samba



sonnerie téléphone portable pour Abismo
Clip vidéo

A sua voz é o silêncio
O seu olhar um abismo
Com medo de me encarar

De onde vem esse jeito
Se eu não fiz nada contigo
Não sei por que me julgar

Posso dizer com certeza
Se esquivar
É a contramão

O mundo não vai parar
Olhe dentro de si
Lave as mágoas do seu coração

Na dor, não cabe a gente culpar ninguém
Sem ter motivos, do nada
Fazendo disso piada

Se for pra gente se entender, vai ver
Que a vida passa e acaba
E ficam marcas pisadas

Do mau que ainda me faz
Sem perceber

A sua voz é o silêncio
O seu olhar um abismo
Com medo de me encarar

De onde vem esse jeito
Se eu não fiz nada contigo
Não sei por que me julgar

Posso dizer com certeza
Se esquivar
É a contramão

O mundo não vai parar
Olhe dentro de si
Lave as mágoas do seu coração

Na dor, não cabe a gente culpar ninguém
Sem ter motivos, do nada
Fazendo disso piada

Se for pra gente se entender, vai ver
Que a vida passa e acaba
E ficam marcas pisadas

Na dor, não cabe a gente culpar ninguém
Sem ter motivos, do nada
Fazendo disso piada

Se for pra gente se entender, vai ver
Que a vida passa e acaba
E ficam marcas pisadas

Do mau que ainda me faz sem perceber

Les autres musiques de Maria Rita